domingo, 14 de março de 2010

UMA ROSA NA CABANA

Crédito da foto:  autor desconhecido


Aquele lugar chamava muito a atenção: era de uma beleza rara !

Todo o seu entorno era perfeito.

A natureza tinha privilegiado toda a sua formação, desde a própria imagem que de longe já se podia perceber a maravilhosa e aprazível área de pousada  , como, principalmente, o aroma ímpar de flores ... as flores mais lindas e mais delicadas.

Não havia quem não notasse aquela cena que parecia tão somente uma tela pintada por um dos mais importantes pintores impressionistas do mundo tais como Renoir, Cezanne,  Lautrec, Picasso, Van Gogh e principalmente Monet, entre tantos.

As cores em perfeita harmonia em toda a sua extensão. A delicadeza, o brilho, o encantamento natural que causava a todos que por ali pudessem passar e perceber toda beleza convidativa a um justo e delicioso repouso.

Toda pureza do mundo encontrava-se ali... 

Certo dia, caminhando sem perceber o destino, deparei-me com aquela linda paisagem e não pude resistir ao desejo de penetrar por aqueles caminhos, que pareciam, outrora jamais visitados com tamanho encantamento.

Aquela cabana, poderia parecer, de longe, como toda e qualquer outra existente pelos mais diversos lugares. Mas, em especial, tinha sido arquitetada como se fosse a única no mundo pois a sua energia interior atraía vigorosamente, como jamais sentido, enquanto me aproximava a cada passo que seguia até ela.

O dia estava perfeito: calmo, brilhante, temperatura amena, aroma perfumado no ar, tudo tão cristalino, bem colorido, agradável,... Ah... ! Tudo conduzia e sugeria para entrar naquela cabana, repousar por vários dias e esquecer todo cansaço ou amarguras do dia-a-dia ! Que vontade de ali ficar por toda eternidade !

Ao aproximar-me, comecei a acariciar a sua estrutura feita de materiais mais puros que puderam encontrar.  Interessante: parecia reagir aos meus carinhos, como que se fosse um ser vivo carente de atenção e amor. Talvez tivesse sido construída mesmo para causar aquela sensação única às pessoas que tivessem o privilégio, como eu tive, de sentir aquele desejo incrível de aventurar-me e descobrir tudo que pudesse ali dentro proporcionar de tranquilidade, de conforto, bem estar e muito carinho.

Não resisti e pensei:  "Esta vida reserva tantas boas surpresas que mesmo que eu não saiba o que me reserva penetrar neste lugar desconhecido, não posso resistir de apenas contemplar mas sim encorajar-me e tomar posse desse ambiente tão misterioso mas tão convidativo ao justo e merecido repouso."

Surprêsa: um pequeno abrigo todo bem decorado em suas laterais com ramas de eras e seus perfumes... No centro, havia uma linda rosa, imponente, que parecia a decoração interna única e tornava o ambiente mais aconchegante ainda como se um dependesse do outro !

Crédito da foto:  MARLY BURACK

Passei longas horas repousando bem aconchegante e senti, durante todo tempo, uma energia como nunca houvera sentido antes. 

Indescritível tudo que aconteceu ali dentro durante todo o tempo que permaneci, mesmo porque quando se encontra um tesouro não se pode alardear e correr o risco de ver desmoronar o que a Natureza fez com tanta perfeição durante milhares de anos !

Aquele lugar deve ser um Portal Secreto que abriga os Anjos mas, para mim, sempre será a minha " doce cabana que abriga uma linda rosa !"

Depois daquele dia, algo aconteceu comigo: quero sempre voltar àquele lugar encantado onde vivem os Anjos e viver intensamente, sentindo tanto prazer e alegria como nunca pude imaginar,... até os últimos momentos em que eu tenha que me silenciar !
.

Raul de Abreu  -  17 / 09 / 2010

11 comentários:

  1. Lindo Raul...tão doce e lúdico quanto vc.....sou suspeita em dizer mais, pois gosto de ' QUASE' tudo que vc escreve....adoro...bjos...Cris

    ResponderExcluir
  2. Raul

    Gostei muito tb!!! Um mistério sedutor que envolve esta cabana e a rosa com toda energia perfumante...Faz lembrar as historia de Hary Potter...rsrsrs Misteriosa

    Admirável

    ResponderExcluir
  3. "luaR"

    a isso..... chamo de solo sagrado....
    onde, apenas previlegiados penetram.....outão somente quem ve com a alma é merecedor!
    AMEI!!!!


    beijo n'alma.

    lica - inv/10

    ResponderExcluir
  4. sandra brunow freitas24 de setembro de 2010 21:24

    Raul.
    Sonhei... levitei... maravilhoso... lindo...
    Gostaria de conhecer a referida cabana e fazer o que fez... caricias em objetos e o encontro com a rosa...
    Lá deve ser um lugar mágico... com anjos...mas não é um local para se pretender silenciar...
    Se fizer isto... o encanto do local... não poderá ser sentido por outras pessoas...
    Lá é um local para encontro de si mesmo... e partir para ações que Jesus lhe confiou.
    Bjssssss

    ResponderExcluir
  5. Agradeço a todos que comentaram. Escrevi sobre esse lugar porque eu conheço de verdade. Não posso revelar muita coisa, a não ser que nunca encontrei um lugar tão maravilhoso, de muita paz, alegria e felicidade. Ninguém precisa acreditar nisso. Eu sei o que é verdade e Deus também sabe ! Isso é suficiente pra mim.

    ResponderExcluir
  6. Sr. Raul,

    parabéns pelo ótimo texto, pena que ele venha acompanhado de uma irregularidade. conheço a autora da foto que ilustra seu texto, a fotógrafa se chama Marly Burack. além de não dar o devido crédito o Sr. deliberadamente apagou a marca d'agua com o nome da ftógrafa o que mostra intenção em não dar o crédito.gostaria de lembra-lo o que diz a lei de direitos autorais: LEI DO DIREITO AUTORAL, Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998, é proibida qualquer reprodução ou divulgação das imagens, com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação.

    O sr. gostaria que alguém usasse seus textos sem falar quem é o autor?

    ResponderExcluir
  7. Prezado Luiz Pacheco:

    Recebo vários e-mails, como você e várias pessoas recebem, contendo mensagens de auto-ajuda, de otimismo, de filosofias, etc., com músicas, fotos, imagens e outras transições.

    Não me lembro quem teria enviado o que continha a foto que coloquei neste Post, mas garanto que não havia inscrição de sua autoria e, portanto, diferente de sua acusação eu não manipulei a foto.

    Já enviei e-mail à Sra. Marly comentando sobre o fato pedindo esclarecimento sobre autoria e autorização (caso ela seja a autora).

    Agradeço sua observação. Caso eu não receba resposta da Sra Marly, substituirei a foto para evitar aborrecimentos. Solicito que contate-a, se assim desejar e já que é sua conhecida, para que ela por gentileza se manifeste autorizando ou não, através do meu email: rabreusp@hotmail.com ou rabreusp@uol.com.br

    Quanto a usarem meus textos ou não, deixo a critério de cada um pois não vivo nem econômica e nem comercialmente do que escrevo,apesar da Lei específica, pois faço isso apenas como hobby e forma de manter bom relacionamento com as pessoas. Caso utilizem meus textos entenderei com alegria que gostaram e acharam que mais pessoas deveriam conhecê-los, da mesma forma que achei linda a referida foto que, infelizmente, não continha a inscrição de sua autoria quando a recebi.

    Considerando a sua boa vontade e preocupação, caso perceba alguma alguma outra irregularidade, gostaria que me alertasse a fim de efetuar os devidos reparos.

    Adicionalmente, gostaria de informar-lhe de que, minutos atrás, logo após ler o seu comentário, pesquisei sobre a referida foto no GOOGLE e apenas a encontrei no BLOG DO VALENTE, sem nenhuma marca d'água ou o nome de sua autoria. Por outro lado, não encontrei publicação da foto em sites diversos do gênero ou até mesmo no site da referida fotógrafa MARLY BURACK. Assim sendo, aguardarei mais alguns dias pelo parecer da Sra. Marly a respeito da autoria.

    Agradecendo seu comentário, meus votos de paz e saúde.


    Raul Abreu
    14/03/2011

    ResponderExcluir
  8. Olá Sr.Raul!!
    Espero que tenha entendido qto ao questionamento dos direitos autorais de fotos postadas na internet.
    Todas as minhas fotos estão com a marca d'agua,e essa foi postada em abril de 2009.
    no site (http://br.olhares.com/apenas_um_florrosa_cor_de_rosaao_meu_ver_a_co_foto2640078.html)
    e se o sr está dizendo que a encontrou no BLOG DO TAL!!VALENTE sem ela,com certeza ele ou outra pessoa a excluiu da foto.
    Sabe Sr.Raul!
    Como disse meu grande amigo Luiz Pacheco (Fotógrafo),existe a lei de direitos autorais: LEI DO DIREITO AUTORAL, Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998, é proibida qualquer reprodução ou divulgação das imagens, com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação.Que muitos não respeitam.
    Mas espero que não tenha nos endendi de forma errada.
    Fico feliz por ter postado a minha foto e a mesma ser a protagonista de um texto tão bonito como o seu.
    E ficarei ainda mais se continuar postada me dando os devidos créditos.
    Um grande abraço e parabéns pelos textos.
    Marly Burack

    ResponderExcluir
  9. Prezada Marly Burack: agradeço a gentileza em autorizar-me a exposição de sua foto neste blog. Com muita alegria vou mantê-la pois tenho certeza que, como eu, leitores de 70 países que acessam meu blog ficaram ou ficarão maravilhados com a beleza da mesma. Saudações carinhosas, Raul Abreu

    ResponderExcluir
  10. A Jovem Senhora, Marly Burack, é uma pessoa deveras sensível e atenciosa... Louvável a sua atitude... Esta manifestação de vontade faz parte dos corações afetuosos e sublimes que ainda podemos contemplar em nosso Planeta Azul!...

    Raimundo José Evangelista da Silva
    http://recantodasletras.uol.com.br/autores/cristovao

    ResponderExcluir
  11. Prezado Raimundo J. Evangelista,... agradeço sua consideração. Meu lema de vida é "fazer esse planeta azul cada dia melhor através da humildade, da ponderação, do respeito a todos e desejos/atitudes que dignifiquem e elevem o Ser Humano !" Abraço carinhoso, Raul de Abreu

    ResponderExcluir