sábado, 13 de outubro de 2012

EU SEI QE VOU TE AMAR...


Como demonstrar o amor, com palavras, se todas elas já foram ditas pelos maiores pensadores ?

Eu sei que vou te amar sempre !  Mas, já disseram isso antes e há até registro de Direitos Autorais... Ah,... Tom Jobim, Vinicius de Moraes, ... !

“ Eu sei que vou te amar, ... Por toda minha vida vou te amar,... Em cada despedida eu vou te amar,... Desesperadamente, eu sei que vou te amar,... E cada verso meu será,... Pra te dizer que eu sei que vou te amar,... Por toda minha vida,... Eu sei que vou chorar,... A cada ausência tua eu vou chorar,... Mas cada volta tua há de apagar,... O que esta ausência tua me causou,... Eu sei que vou sofrer a eterna desventura de viver,... A espera de viver ao lado teu,... Por toda minha vida !.”  (Tom Jobim)

Fico na dúvida quando falamos: “vamos fazer amor ?”. Será que é isso, o amor é fazer amor ? ... “ Amor é prosa,... sexo é poesia ! “ (Arnaldo Jabor).

Sabia que LEONARDO DA VINCI também se referiu ao amor ? “ As mais lindas palavras de amor são ditas no silêncio de um olhar !

E então o grande escritor Wiliam Shakespeare, quando dizia:  “ O amor não se vê, mas sim com o coração !

Mas, pra falar a verdade,... apesar de que para demonstrar meu amor eu vou procurar bem lá longe o que já pensaram e expressaram sobre o amor, o amor mais gostoso é aquele com o tempero brasileiro:  “Se o amor é fantasia, eu me encontro em pleno carnaval ! ”... (Vinicius de Moraes).

Há quem goste de Fernando Pessoa,... mas achei confuso demais. Entretanto, pra não ser criticado pelos portugueses e admiradores do dito Gajo, vamos lá: “ Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo se o que quero dizer-te é que te amo ?

Gosto mesmo é de Camões que a pedido de Renato Russo, aquele compositor e cantor brasileiro, escreveu os seguintes versos: “  O amor é fogo que arde sem se ver,... É ferida que dói e não se sente,... É um contentamento descontente; ... É dor que desatina sem doer... !

Sabe,...? Não sei por que nos amamos tanto; parece que, como dizia Bob Marley, nós somos mesmo dois idiotas, pois a palavra AMOR é tão simples, tem só quatro letras sendo duas vogais, duas consoantes,... unindo só nós dois, faça chuva ou faça sol.

Quero confessar que, como todos, também passei por tudo que já escreveram: senti calor e senti frio, medo e solidão, alegria e decepção, prazer e emoção, saudade e desespero, ... tantas coisas,... mas não consigo ficar sem te amar mesmo quando estou sonhando dormindo ou acordado. Eu sei que te amar e também ser amado é como ver o dia nascendo com um lindo brilho de sol em uma manhã tão calma e feliz e que o tempo para só para brindar o que há de tão bonito e delicioso que é o amor.

Então dá uma vontade enorme de abrir os braços, como um tolo, e sair por aí sorrindo à toa, às gargalhadas e dizer para todos ouvirem: “ eu amo,... eu amo,... eu amo ! “

Não sei bem dizer o que é o amor, apesar de ter lido tantas coisas que, pra falar a verdade, nada diz tão certo como certo é o sentimento que m’invade quando estou com você: NOSSO AMOR É DIVINO !

Gostaria de ser um grande poeta, ... daqueles que escrevem coisas lindas e que só os grandes intelectuais sabem escrever porque eles devem ser “pessoas iluminadas” e só eles “sentem e sabem” o que dizer,... mas,... sei da pequenez e por isso só posso dizer aquela coisa confusa, mas que é o que sinto:

... “ Que queres que te diga, além de que te amo se o que quero dizer-te é que te amo,... mesmo que te escondas sempre e só encontre prazer na fumaça do teu cigarro ?  

Só sei que posso dizer que, apesar de qualquer coisa, ... “Eu sei que vou te amar, por toda minha vida eu vou te amar ! “.

-    o    -

Roberto Carlos    -   " Eu sei que vou te amar "

Raul de Abreu
13 / 10 / 2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário