sábado, 9 de abril de 2011

BOLSA DE MULHER

- Trimmm... Trimmm... Trimmm...

- Ai, meu Deus ! Onde é que deixei esse celular ?
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- KCT ! Já vai ! Tô procurando o celular !
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- Essa bolsa tá muito pequena ! Preciso comprar outra! KCT !
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- KCT ! Já falei ! Espera, KCT !
- Merda ! Que tá fazendo essa maquininha de Agenda Eletrônica aqui ? Foi aquele idiota que me deu... Bosta de Agenda, é Chinesa... Tá sem bateria e nunca funcionou direito... Vou jogar fora !
- E esse maço de cigarros ! Tudo solto..., tudo amassado ! Preciso parar de fumar ! Que merda...!
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- Porra ! Onde está esse telefone ?
- Essa caixa de fósforos... tá tudo solto; que merda ! Preciso parar de fumar !
- Vou comprar um isqueiro que não seja chinês !... Aquele viadinho bem que podia ter me dado um que prestasse  !
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- Ah... O estojinho de maquiagem tá aqui ! ... Preciso comprar outra bolsa; essa tá uma bosta de pequena; não cabe mais nada !
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- Minha carteira está com os documentos soltos! Merda, aquela filha d.p. da balconista da loja tinha que me pedir tanto documento só pra fazer o crediário daquele sapato? Merda !
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- Ô Seu Filho da P. ... Já falei que já vou ! Pára de tocar, KCT !
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- Esse zíper tá enguiçado; preciso trocar essa merda dessa bolsa! Também, ... Que merda de bolsa: CHINESA ! Victor Hugo do KCT porra nenhuma ! É Chinesa bem vagabunda. Merda ! Pra custar só 25 paus,... tinha que ser uma merda mesmo !
- Trimmm... Trimmm... Trimmm...
- Ah, o zíper abriu... e estragou. Que bosta de bolsa! ...
- Achei !
- Alô... Alô ... Alô... Alôooooooooo............... !!!
- Ligação restrita! Quem será ?
- Desligou, filho da puta !
- KCT... não poderia me esperar? Será que esse corno não sabe o que é um celular na bolsa duma mulher ?

-    o    -

Raul de Abreu
19/01/2010

6 comentários:

  1. Nao,Raul...
    Nao ha no mundo quem haja desvendado os misterios que existem dentro da bolsa de uma mulher....
    Digo isto por mim,nao quero ofender ninguem.Comeca com minha compulsao por bolsa.Ponto.
    Nem vou dizer que tenho quase cem...ninguem acreditaria de qualquer maneira..
    Agora o que eu tenho dentro delas...ai ja sao outros quinhentos..Ou serao R$350,oo o que eu tinha aqui na carteira?Eu juro que foi esta quantia,tenho certe...ah!ia me esquecendo,paguei o verdureiro,nossa!que confusao...Espere um segundo.volto ja,vou limpar meus dedos...meu batom abriu dentro da bolsa,raiva que tenho disso,olha....cheio de fumo do cigarro,eca!!!!!
    Tambem,os batons de hoje,sao terriveis ,as tampas existem de enfeite,nao ficam nunca onde deveriam.So um minutinho,ja termino...vou jogar ali no lixo esta bala melada que nao tinha onde colocar quando me chamaram para entrar no consultorio,mas eu pensei que aquele papelzinho daria pra enrolar...!!!!
    Olha Raul.....adorei sua cronica sobre as minhas bolsas,digo,a bolsa da mulher,melhor dizendo,das bolsas das mulheres...mas nao da...tenho que dar um jeito nesta bolsa,assim nao da mais...
    Parabens...vc foi otimo!!!!Nao havia lido nada a respeito da minha bolsa..putz!minha nao!!!da bolsa de mulher,rsrsrrs...
    Beijao!!!
    Cleide

    ResponderExcluir
  2. Cleide, vc que é ótima. Inicialmente, obrigado por seu comentário tão bem humorado !!! Voce escreve muito bem... Imagino que também tenha publicado algum trabalho e, caso positivo, seria muito prazeiroso ler. Um dia eu presenciei uma Senhora, em uma praça, procurando o Celular que tocava... Foi hilariante ver aquela senhora tentando achar o fone... Mas ela não ficou brava, apenas sorria da bagunça e da dificuldade de achar o fone... kkk

    ResponderExcluir
  3. Oi,Raul...
    Obrigada,nao tive a pretensao de ter meu comentario publicado,era para vc,rsrsrsr
    Pois e....eu gosto muito de escrever,mas nao publiquei nada ainda,sao paginas da vida que voam de minhas maos assim que o amanha chega.
    Quem sabe um dia,com esta facilidade de Blog,nao e?Pelo menos,nao vou dar a desculpa de que as folhas voaram..
    Sinto-me lisongeada com seu comentario...gentil de sua parte ,como sempre.
    Um abraco!
    E uma semana prodiga em mais cronicas para nos,que ja somos seus fans de carteirinha..!!
    Cleide

    ResponderExcluir
  4. sandra brunow freitas27 de abril de 2011 23:04

    Boa Noite !
    Realmente bolsa de mulher tem de tudo.
    A minha é grande e pesada.
    Procuro mantê-la organizada quase diariamente.
    Estou com saudades de você e foi bom ler sua crônica.
    Mudou o estilo... gostei...
    Mas só um detalhe para sua reflexão: Precisa usar tanto "palavrão " ?
    O ar de nobreza faz melhor seu estilo... assim penso.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Sandrinha:

    Agradeço sua lembrança. Bolsa de mulher é um problema... (risos) ! Certa ocasião assisti (rindo à beça) uma senhora abrindo sua bolsa pra pegar o celular. Ela não achava o dito cujo em meio a tantas coisas... e xingava bastante. Deu-me a idéia de retratar e o fiz no mesmo dia. Como gosto de SER FIEL, tive que escrever exatamente como ela verbalizava. Portanto,... os palavrões não fui eu que inventei mas sim apenas mencionei (quase igual) o que aquela doce senhora proferia.

    Veja que também há palavrões no texto DEPOIS DO CARNAVAL VEM O BACALHAU, com frases muito típicas dos ilustres mencionados de cada época. Não fui eu quem inventou tais verbalizações visto que tenho gravado em meu gravador de fita K-7, tudo que se falou desde aquela fatídica tarde em que o "cumpanheiro Moshe, ou Moisés, no carro de som, convocava os cumpanheiros a trilhar pelo Mar recém -falecido.

    Abraços, Raul

    ResponderExcluir
  6. Retratou perfeitamente uma bolsa de mulher, especialmente a minha. Imagine que meus filhos não deixam, quando estou com eles, postar nada em minha bolsa... rsrsrs. Chaves, tickets de estacionamentos, cartões de estacionamentos, enfim, NADA DE USO COLETIVO! Embora as bolsas já tenham espaço reservado a celular, nunca estão onde deveriam. Quando consigo achá-lo, está dando o último toque. Retratou perfeitamente, parabéns, Raul!

    ResponderExcluir