sábado, 2 de outubro de 2010

ALGUÉM PRA SE AMAR !






















foto: Lilian (cantora da dupla Leno e Lilian)



Naquela noite, tudo estava maravilhoso !

Todas as mesas do clube estavam lotadas. Pessoas bonitas, risonhas, alegres, confraternizando os mais diversos motivos por que estavam ali.

A pista de danças, o tempo todo, com as pessoas vibrando ao som de tantas músicas que faziam com que ninguém conseguisse ficar parado. Agitação deliciosa, saudável, envolvente...

Havia uma linda mulher que se destacava:  Um olhar tão feliz, um rosto ímpar, uma energia como ninguém !

Ela caminhava alegremente, descontraída, tranquila... e por onde passava ia iluminando todo ambiente, que de propósito, era naturalmente com pouca iluminação. Que luz maravilhosa daquela mulher !

Irresistível ficar só admirando...

- Ah,... eu gostaria muito de dançar com você...
- Puxa ! Que pena ! Estou saindo agora... vou embora !
- Vai não ! Dance comigo pelo menos uma vez...
- Tenho que ir embora...
- Posso levar você ?
- Estou com meu carro...
- Dança só uma...
- Está bem !
- Eu estava admirando você... por onde passa, todos sorriem...
- Ah,...não diga isso...
- Você é alguém pra se amar ! A vida toda ! Acho que vou me apaixonar !

Dançamos várias músicas. Admirei aquela mulher o tempo todo, seu olhar, seu sorriso, seu perfume, o seu corpo, as suas mãos, a sua alegria tão envolvente... Beijei seu rosto... Ela sorriu... e eu me apaixonei ! 

Momentos maravilhosos  !

-     o     -

TRADUÇÃO DA LETRA DA MÚSICA   " SHE "


Ela, talvez o rosto que não consigo esquecer 
Uma lembrança de prazer e de arrependimento 
Talvez meu tesouro ou o preço 
Que eu tenho que pagar 
Ela, talvez a canção que o verão cante 
Talvez o frio que o outono nos traz 
Talvez uma centena de coisas diferentes 
Dentro da medida do dia 
Ela, talvez a bela ou a fera 
Talvez a fome ou a festa 
Que pode transformar cada dia num paraíso 
Ou num inferno 
Ela, talvez o espelho de meu sonho 
Um sorriso refletido em um córrego 
Ela pode ser o que ela pode parecer 
Dentro de sua concha 
Ela que sempre parece tão feliz na multidão 
Cujos olhos podem ser tão particulares e tão orgulhosos 
Ninguém pode vê-los 
Quando choram 
Ela, talvez o amor que não tem esperanças de durar 
Pode chegar até a mim por lembranças do passado 
Que eu me lembrarei 
Até o dia de minha morte 
Ela, talvez minha razão de sobreviver 
O porquê de eu estar vivo 
A pessoa que cuidarei nos tempos 
e nas horas ruins 
Eu, levarei o sorriso dela e suas lágrimas 
E farei de todas elas meus souvenir 
Pois para onde ela for eu tenho que estar lá 
E o significado de minha vida é ela 
Ela, hmmmmmmmmmm, ela

Raul de Abreu
02 / 10 / 2010

2 comentários:

  1. sandra brunow freitas2 de outubro de 2010 12:46

    Raul.
    Penso que deve ser um bom pé de valsa...
    E que as mulheres sempre são iluminadas para você.
    E interessante... você é persistente...
    Gosta de desafios ? Enamora-se fácil ? Ou está a procura de sua verdadeira cara metade ???????Não brigue comigo... rsssss

    ResponderExcluir
  2. Sandra: Sou um BOM PÉ DE VALSA, todas as mulheres têm muita luz, sou persistente, gosto de desafios, NÃO ME ENAMORO FÁCIL, sou EXTREMAMENTE SELETIVO, e amo só uma mulher ! E ela sabe disso ! Não vou brigar com você ! Não brigo com ninguém ! bjs, Raul

    ResponderExcluir