segunda-feira, 20 de setembro de 2010

DORMINDO EM PAZ





Não há porque passar um noite com preocupações,
Nada aconteceu,...
Nada importante pelo menos,
Apenas,...
Bem,... apenas,...

Não dá pra dizer o que foi apenas,
Mas,... apenas até nunca mais !
Dá pra dormir ?
Dá !

Vamos dormir e esquecer tudo isso !
Amanhã é outro dia, quem sabe até saia o Sol...
E será noite de Luar...
O que há de mais belo que o Luar ?
Não há nada...

Bem,... bem que eu queria acreditar nisso
Não dá pra te esquecer,
Nem o Sol e nem o Luar são tão belos,
Sem você, ...
Deixa pra lá...!


Raul de Abreu Neto
20 / 09 / 2010
.    o    .


Ninguém Durma


Ninguém durma! ninguém durma!
Tu também, ó princesa,
na tua fria alcova
olhas as estrelas
que tremulam de amor
e de esperança!


Mas o meu mistério está fechado comigo,
O meu nome ninguém saberá!
Não, não, sobre a tua boca o direi,
Quando a luz resplandescer!


E o meu beijo destruirá o silêncio
que te faz minha!


E o seu nome ningúem saberá!
E nós deveremos, infelizmente, morrer!


Desvença, a noite!
Desapareçam, estrelas!
Desapareçam, estrelas!
Ao alvorecer eu vencerei!
Vencerei,Vencerei!!!


.    O    .



(letra em português da música  " NESSUN DORMA "
CANTOR:  ANDREA BOCELLI )

Um comentário:

  1. sandra brunow freitas25 de setembro de 2010 23:02

    Raul.
    Muito singelo... simples... romântico...
    Pense sempre: perdão é demonstrar ser cristão.Sei que é muito dificil... Esquecer/deletar... no começo é difícil, mas não impossível.
    Auto estima... jamais se permita perdê-la.
    Escolheu o Andrea Bocelli... perfeito.
    Ia esquecendo... no luar, existem diversas estrelas...
    Bjsssssssss

    ResponderExcluir